Quem Somos

A história deste projeto é longa e inicia no ano de 1996, quando o Ministério das Comunicações abre um canal de rádio FM comercial para a cidade Ronda Alta, a partir disso algumas empresas mostraram-se interessadas em participar da concorrência e se inscreveram para a licitação, cada empresa participante ofertava seu valor e o que seria mais alto e atendesse os critérios, ganharia o direito para utilizar o canal. Após o resultado avaliado, no ano de 1997, a empresa Rádio Portal do Sul FM LTDA-ME de Ronda Alta, ganhou o direito do canal FM comercial da cidade de Ronda Alta, na época a empresa era representada pelos sócios, Adelar Novelo, Giovane Terezinha Ebhert, Nelci Martinelli, Luiz Antônio Liberatti e Osmar Reolon.

A partir daí começou-se uma longa jornada em cumprir exigências de documentações do Ministério das Comunicações e o processo começa a percorrer um longo caminho pelo Senado Federal, Câmara dos Deputados entre outros tramites, até que no ano de 2012 com a assinatura da Presidente da República Dilma Rousseff, a emissora ganha outorga, porém ainda para se tornar realidade e ir ao ar, a empresa precisaria ter a assinatura do contrato com o Ministério das Comunicações.

No ano de 2014, passados 17 anos desde a licitação, a associação cansada da grande demora em conseguir a documentação final, resolve vender o direito do canal de FM comercial, que foi então adquirida pela Família Colussi, a qual começou também uma incansável luta para que a emissora fosse liberada para operação em FM. Após mais de 2 anos da aquisição, cumprindo rigorosamente as exigências do Ministério das Comunicações e passados 19 anos desde a licitação, no dia 15 de Fevereiro de 2017, foram a Brasília o sócio/administrador Eduardo Colussi e seu avó e sócio Adelar Colussi (in memorian), para assinar o contrato com o governo, que a partir daí ganhava o direito em encaminhar a documentação do projeto técnico da emissora e pedido de uso de rádio frequência para a Anatel, para ter condições legais de colocar a emissora no ar. Após a aprovação do projeto técnico operacional e publicação no diário oficial da união e ao finalizar a montagem dos equipamentos, no dia 29 de abril de 2017 as 16h30min, a emissora entra no ar em caráter experimental para toda a grande região, na frequência de 91,9 FM.

Desde seu início, os administradores, buscando crescer e melhorar a abrangência da emissora, no dia 16 de março 2019, as 9h00min, com liberação e aprovação do Ministérios das Comunicações, realizam a troca de frequência passando de 91.9 FM para 107,5 FM, tendo ainda mais qualidade em seu sinal e abrangendo mais municípios. A emissora presa em contribuir para o desenvolvimento regional, levando informação do que acontece nos municípios da região, participando do dia a dia da comunidade, estando sempre presente nos acontecimentos locais e regionais, entretendo e alegrando os ouvintes através da música, usando do microfone potente da Máxima FM com responsabilidade, para servir aos milhares de ouvintes espalhados pelos quatro cantos da região, atuando 24 horas por dia.

Grupo Máxima de Comunicação.